Navegando Pela Tag:

gilmore girls

TV

Live more, laugh more, eat more, talk more: Um ano de Gilmore Girls – A Year in the Life

A Year in the Life

Em “Those Are Strings, Pinocchio”, Rory (Alexis Bledel) abre seu discurso de oradora da turma dando as boas-vindas a todos os presentes e descrevendo como foi esperar o dia de sua formatura: “Jamais pensamos que esse dia chegaria. Rezamos pela sua rápida chegada, riscamos os dias dos nossos calendários, contamos horas, minutos e segundos”. Da mesma forma podemos descrever como foi a nossa expectativa para o revival de Gilmore Girls; evento com o qual sonhamos brandamente desde o final da série clássica em 2007 e ardentemente desde que foi confirmado em meados de 2015.

Continue Lendo

TV

Mesa redonda: “Oy with the poodles already” – Os 17 anos da estreia de Gilmore Girls

Gilmore Girls

“Please, Luke. Please, please, please.” Em 5 de outubro de 2000, essas cinco palavras foram ditas por Lorelai Gilmore (Lauren Graham), abrindo o piloto de Gilmore Girls que ia ao ar na Warner dos Estados Unidos. Naquela época, muitas de nós ainda não acompanhavam a série, mas durante as últimas dezessete vezes que a Terra girou em torno do Sol, coisas aconteceram e acabamos descobrindo-a em nosso próprio tempo, de uma maneira que a deixou para sempre marcada em nossos corações.

Continue Lendo

TV

A cruel representação das mães na cultura pop

Quando penso em personagens que são mães na cultura pop sempre me lembro primeiramente de duas: Lorelai Gilmore (Lauren Graham), de Gilmore Girls e Lily Aldrin (Alyson Hannigan), de How I Met Your Mother. As duas são mulheres muito diferentes, talvez até a única coisa que as conecte seja o gênero e a maternidade. Para mim, que sempre lembro delas quando penso em mães na cultura pop, as duas também ocupam lugares diferentes na categoria de personagens que também são mães.

Continue Lendo

TV

Problematizando Rory Gilmore: o revival

Quando ainda aguardávamos para saber por onde andaria Rory Gilmore (Alexis Bledel) em 2016, antes da estreia do revival de Gilmore Girls: A Year in the Life, fizemos questão de argumentar que a menina dos olhos de Stars Hollow passava longe de ser perfeita, mas que isso era ótimo. Ao contrário, Rory é complexa e, por isso, uma personagem muito humana. Desde lá, o revival veio e se foi e talvez nada nele tenha sido tão polêmico e discutido à exaustão quanto a caracterização da Gilmore mais jovem. Rory Gilmore é um monstro. Rory Gilmore é um desastre. Rory Gilmore nunca se tornou uma adulta. Rory Gilmore é… complicada.

Continue Lendo

LITERATURA

A vida é muito curta, fale rápido: uma autobiografia de Lauren Graham

Quando Lauren Graham anunciou o lançamento do seu segundo livro, dessa vez uma autobiografia, a sincronia não poderia ser mais perfeita: Gilmore Girls, série que alavancou sua fama no início dos anos 2000, estava preparando para decolar seu revival e o assunto estava sendo amplamente debatido na internet. No entanto, muito além da oportunidade para vender um livro, a atriz encontrou o momento ideal para contar sua história desde o começo, de Gilmore Girls a Gilmore Girls (e tudo no meio do caminho).

Continue Lendo

LITERATURA TV

Livre, a referência mais importante do revival de Gilmore Girls

No terceiro episódio do revival de Gilmore Girls, Lorelai (Lauren Graham) é vista lendo Livre – originalmente chamado de Wild –, livro de memórias de Cheryl Strayed publicado em 2012 e adaptado para o cinema em 2014 pela então recém-nascida produtora de Reese Witherspoon. Diferentemente do que seria natural esperar, nos quatro episódios do revival a referência literária mais importante não parte de Rory, e sim com Lorelai. Livre se torna extremamente importante para a jornada vivida pela personagem.

Continue Lendo