MÚSICA

Festival TrêspraUm

A ideia central que move o Valkirias e nos estimula a continuar sempre – além do retorno incrível de vocês aí do outro lado, que leem e interagem com a gente – é poder compartilhar não somente coisas de que gostamos e somos fãs, mas também trabalhos criativos feitos por mulheres. Por isso, quando surgiu a oportunidade de divulgar um evento como Festival TrêspraUm, não pensamos duas vezes.

O festival – que reúne música, gastronomia e artes visuais – terá sua primeira edição do ano de 2016 acontecendo no próximo sábado, dia 28 de maio. Nessa data, três mulheres incríveis apresentarão seus trabalhos reunindo muita música e arte, e nós aproveitamos para conversar um pouquinho com cada uma delas. Você confere na sequência!

Karine Alexandrino

valkirias-karine-alexandrino-1

Karine faz parte da cena musical cearense. Eclética, ela consegue transitar com facilidade pelo rock, MPB e pop retrô, sempre buscando inspiração em trilhas de cabaret dos anos 1960/1970, new wave e ritmos regionais de sua terra natal. É uma artista que se utiliza da arte performática para ser a multi-mulher, travestindo-se em diversas personalidades para fazer o que quiser. Seus trabalhos musicais formam uma trilogia finalizada com “Mulher Tombada”, de 2015, mas que teve início mais de dez anos atrás, com o álbum “Solteira Producta”, de 2002, seguido de “Querem acabar comigo, Roberto”, de 2004.

Enviamos algumas perguntas para a Karine, mas não recebemos retorno da artista até o momento. O post será atualizado com assim que recebermos as respostas.

Gabriela Ubaldo

valkirias-gabriela-ubaldo

Gabriela é uma DJ paulistana que mistura em seu repertório ritmos como reggae, cumbia e boogaloo. É a pessoa responsável pelo sucesso da festa Take a Ride, e comanda o som em algumas baladas de peso como Macumbia e ZAMBI. Gabi também é a criadora do ótimo Festival Órbita, e estará nas picapes do TrêspraUm para embalar o sábado de quem for prestigiar com muita música boa.

Nas suas festas, você faz questão de valorizar influências que estão bem fora do eixo norte-americano que estamos acostumados, como foi seu primeiro contato com essas referências?

Eu comecei discotecando reggae, e um dia uma amiga me mostrou uma cumbia, de uma banda chamada Los Destellos: Patricia! que eu achei super malemolente, e que combinava com o que eu já tocava. Daí surgiu a idéia, junto com outra DJ, a Flora Lahuerta, de fazer a macumbia.

Como é a experiência de levar para baladas ritmos que, a rigor, não são encontrados nesses meios? 

É muito massa a trajetória da macumbia nesses 5 anos, porque antes as pessoas não reconheciam muito o estilo, achavam que era salsa, tal, e agora tem músicas que todo mundo canta! E cada vez mais bandas que são influenciadas ou reproduzem o estilo.

Como é trabalhar como criadora e organizadora de eventos de música? Como se sente ao participar de uma edição tão especial do TrêspraUm, só com mulheres protagonizando as atrações do evento? 

A moda de reunir mulheres na produção e no artístico dos eventos vem pra ensinar muita coisa. É maravilhoso ver as minas crescendo em todos os cenários e um prazer dividir o backstage e o palco com tanta mana talentosa.

Fernanda Gamarano

valkirias-fernanda-gamarano

Fernanda é um exemplo vivo de como a mulher pode ser o que quiser, se assim desejar: chef de cozinha, guitarrista da banda Der Baum e fotógrafa, além de outros projetos com que está envolvida, ela trás para o evento seu olhar sobre a cidade de Berlin com a exposição Berlin Ist Hier.

Você claramente tira seus projetos profissionais das coisas que você realmente ama, há quem defenda que misturar paixão e trabalho tira um pouco da graça da coisa. O que você pensa disso?

Eu acho que não tem nada a ver, afinal se você não tiver paixão por aquilo que você faz ai sim esta algo de errado! Se você não puser paixão, o trabalho fica meia boca, sem sal, sem sabor… A paixão apimenta e deixa sua personalidade marcada ali.

Chef de cozinha, guitarrista e fotógrafa. Como essas três mulheres vivem dentro da mesma Fernanda? O que uma leva para a outra e que tipo de inspiração guia cada uma delas?

Se eu voltar lá atrás, quando eu era apenas uma criança entre 9 e 10 anos, essas paixões já faziam parte de mim, amava cozinhar, tocar e fotografar. Acho que meu destino já estava traçado ali, só demorei pra enxergar que as três coisas me completavam. Acho que cada uma está interligada à outra, a gastronomia liga com a música (inspiração e emoção) e a fotografia complementa, porque tirar foto dos pratos é um tipo de arte. A mesma coisa para a música, costumo tirar fotos das bandas dos mesmos eventos que a minha banda toca, ou vice versa, amo tirar fotos de bandas… No fim, as três coisas se conectam!

Sobre as fotografias que estarão expostas no evento, o que você nos adiantar sobre elas? O quanto elas se relacionam com o que viveu na Alemanha e com suas experiências do período?

Essas fotos foram tiradas durante minha estadia de 3 meses em Berlin, no ano passado. Fui no inicio do outono, quando  as paisagens são muito belas porque as árvores ficam com aquelas folhas avermelhas para o amarelo, fica lindo! Mas vocês vão ver mais fotos de um lugar abandonado, que foi o momento que me marcou mais, o Kinderkrankenhaus (Hospital de Crianças). Foi o lugar que aproveitamos (a banda) para gravar um clipe, e também acabei tirando muitas fotos de lá. Também haverá algumas fotos da cidade, de um cemitério, de um palácio e de uma estação de trem abandonada, infelizmente eu tirei muitas fotos que não estarão nessa exposição, mas já da pra ter uma ideia de como um país como Alemanha tem lugares belos e extremos!

O QUÊ? Festival TrêspraUm 
QUANDO? 28 de maio, a partir das 18 horas
ONDE? Associação Cultural Cecília, Rua Vitorino Carmilo, 449 – Santa Cecília – São Paulo (SP)
QUEM? Show Karine Alexandrino + Discotecagem Gabi Ubaldo + Expo “Berlin Ist Hier”, de Fernanda Gamarano
QUANTO? Entrada R$15 (débito ou dinheiro)
Classificação: 18 anos

Posts Relacionados

1 Comentário

  • Responda
    Vicky Hope
    28 de Maio de 2016 at 20:29

    Adorei!! Tantas moças talentosas! Não conhecia o trabalho, mas já logo busquei pelas redes adorei o trabalho de todas! Espero que o evento seja um sucesso <3

  • Deixe um Comentário