Navegando Pela Categoria:

TV

TV

(Ainda) Em defesa de Sansa Stark

Game of Thrones já teve mais da metade dos episódios de sua sétima temporada exibidos, mas ainda tem gente questionando o valor de Sansa Stark, interpretada pela atriz Sophie Turner. A série de tv, baseada nas Crônicas de Gelo e Fogo escritas por George R. R. Martin, é mundialmente conhecida por não poupar nenhum de seus personagens de acontecimentos cruéis. Para Sansa, me atrevo a dizer, talvez tenham sido reservados alguns dos piores desses acontecimentos – principalmente quando o assunto é a série dirigida por David Benioff e Dan Weiss.

Continue Lendo

CINEMA LITERATURA TV

Personagens coadjuvantes e a falta da presença feminina nas aventuras

Frequentemente quando lemos um livro, assistimos a um seriado ou nos envolvemos com algum personagem, encontramos uma certa base estrutural comum na história, correto? Tem um protagonista, tem um vilão, tem personagens ao redor dessas pessoas, tem o bem, tem o mal, tem aquele que a gente torce até o fim e aquele que a gente sente prazer em odiar. Essas categorias são comuns em um tipo de narrativa que chamamos de jornada do herói, um jeito de contar histórias bem clássico no qual um indivíduo sai em busca de algo que pode mudar a sua vida e, obviamente, encontra obstáculos, mas depois os enfrenta bravamente.

Continue Lendo

TV

Outlander – uma mulher estranha num tempo estranho

Histórias com viagens no tempo existem aos montes. A ideia de, por mágica ou alta tecnologia, ir parar num tempo distante, no passado ou no futuro, sempre intrigou o ser humano e é uma das bases da ficção científica até hoje. Temos curiosidade a respeito de outras épocas, mas isso não significa que queiramos, de fato, viajar no tempo. Claire Randall (Caitriona Balfe) não queria. Ela era apenas uma jovem mulher que recém havia saído dos tempos de enfermeira do Exército Britânico durante a Segunda Guerra Mundial e que aproveitava o fim da Guerra para ter uma segunda lua de mel com o marido, Frank Randall (Tobias Menzies). Numa viagem para a Escócia, após a noite de Samhaim, Claire desmaia e, ao acordar, se depara com o mesmo lugar, mas em outro tempo: é a Escócia de 1743, e ser uma mulher solteira e britânica naquele lugar não fazia bem à saúde.

Continue Lendo

TV

This Is Us e o Emmy: por que ver um drama familiar na disputa soa tão diferente em 2017

Maior sucesso recente entre as estreias da tradicional fall season da televisão norte-americana, This Is Us foi recentemente agraciada com dez indicações ao Emmy, incluindo na categoria considerada a mais importante da premiação, a de Melhor Drama. Além de render indicações a sete membros de seu elenco nas categorias de atuação, a série desenvolvida por Dan Fogelman é a primeira da televisão aberta a concorrer a melhor drama desde The Good Wife, em 2011. É um feito bastante significativo, visto que a televisão a cabo, além dos serviços de streaming com sua maior liberdade criativa, menores restrições e menor dependência dos números da audiência americana, têm domínio quase absoluto sobre aquilo que costumamos chamar de “Prestige TV” (em tradução livre, “TV de prestígio”), e são essas produções que vêm dominando o Emmy ano após ano desde o começo da década.

Continue Lendo

TV

Skam e a representação da amizade entre garotas

Existem séries e séries. Entre tantos programas de televisão sendo lançados e muita coisa sendo consumida, poucas séries realmente se destacam e tocam nosso coração um pouco mais que o normal. Algumas histórias fazem você simplesmente gostar de (quase) todos os personagens e se importar com cada um deles para saber o que vai acontecer nos episódios; pensar e discutir sobre isso ao mesmo tempo que compartilha tal descoberta com todo mundo. Foi assim que Skam virou uma febre mundial em menos de dois anos.

Continue Lendo